Road Trip de Outono: Kancamagus Highway (parte 2 de 3) ☼

Depois de um primeiro dia de viagem bastante ensolarado e com paradas em cidades encantadoras ao longo do caminho, estávamos mega empolgados para o nosso segundo dia, que, segundo nossas pesquisas, seria a cereja do bolo da road trip nos States: a rota cênica de Kancamagus Highway

Já sei, já sei… você nunca ouviu falar dessa rota! Bem, posso explicá-la da seguinte forma: se você gosta de apreciar paisagens naturais deslumbrantes e viver experiências ao ar livre em meio à natureza, este é  “O” lugarCada parada no trajeto (e há muitas!) oferece algo diferente. Visões de tirar o fôlego, ótimos lugares para uma caminhada, piscinas naturais e até mesmo pedras deslizantes em um córrego que parecem “tobogãs”! Nós separamos um dia para fazer este passeio de carro, mas se não fossem os dias tão contadinhos, nós poderíamos facilmente esticar por mais dois dias!

Logo que o dia amanheceu, abrimos as cortinas cheios de empolgação até que o nosso ânimo sofreu um golpe inesperado: o dia estava completamente nebuloso. Chão encharcado, resquícios de uma chuvinha insistente e uma neblina praticamente palpável!

É claro que na condição de viajantes, nós temos que ter plena consciência de que estamos suscetíveis a dias assim durante as férias, mas tinha que ser justo neste dia?

Enfim… fizemos umas orações e resolvemos matar um tempinho pelo centrinho de North Conway, para darmos um tempo de Deus dar aquela sopradinha nas nuvens e fazer com que o tempo abrisse.

Estacionamos o carro, tomamos um café da manhã gostoso no Dunkin’ Donuts e saímos para caminhar. No final das contas, agradecemos porque devido ao mal tempo, pudemos conhecer um pouco mais da cidade, que é uma graça! Tem cafézinhos, chocolateria, lojas de artesanato local, lugares com temática natalina e muitas lojinhas de souveniers. Tudo muito bem perfeitinho, porém naquele estilo “pega turista” = bem caro! Saí de lá apenas com um imã de geladeira da cidade para a minha coleção de magnets! <3

Kancamagus Highway: Colagem de fotos do centrinho de North Conway

Apenas abrindo um parêntesis aqui, North Conway é uma cidadezinha que explora bastante o turismo de natureza. Entre suas principais atrações, estão o Monte Washington, que fica a mais de 2 mil metros de altitude e sua subida que pode ser feita através de um trem (Cog Train) ou com o seu próprio veículo (por sua conta e risco, já que a via é bem amedrontadora com precipícios ao seu lado). Outra atração é o mirante da Cathedral Ledge, que é bastante popular entre os alpinistas e também proporciona uma vista espetacular com uma subida de carro mais tranquila. Já o passeio de trem Conway Scenic Railroad é uma ótima pedida para os que são apaixonados por trens e natureza.

E não é que depois de fazermos uma horinha, o tempo realmente começou a abrir? Em um horizonte beeem distante, a gente começou a enxergar um céu azul bem na direção que estávamos indo! Thank God!

O passeio pela Kancamagus Highway – carinhosamente também chamada por “The Kanc” pelos locais – consiste em 55 quilômetros que atravessa a White Mountain Forest entre as cidades de Conway e Lincoln através da Rota 112. Entrar nela é bastante fácil, já que o caminho é bem sinalizado (mas nada como um GPS!).

Já no início do trajeto, você notará que a estrada fica paralela à um rio com muitas rochas. Tenho certeza de que você vai querer fazer uma paradinha inicial em um dos acostamentos, atravessar por entre as árvores e começar a sua sessão de fotos! E realmente vale a pena fazer isso!

Kancamagus Highway: Paisagens deslumbrantes da natureza e córrego de águas em meio às pedras

Kancamagus Highway: Nossos pés as margens do riacho

Kancamagus Highway: Sentada em uma das pedras no meio do riacho e rodeada de árvores em seu esplendor de fall folliage

Fiz uma sequência abaixo dos pontos de parada que julguei serem os mais imprescindíveis durante o trajeto. A ordem abaixo é para quem está dirigindo no sentido North Conway => Lincoln – caso você esteja dirigindo de Lincoln para North Conway, só considere o inverso! 😉

As imagens que você verá enquanto estiver dirigindo pela estrada já valem muito a pena, mas as caminhadas nos mirantes, cachoeiras, cascatas e outras maravilhas da Floresta Nacional da White Mountain são as verdadeiras recompensas do passeio. Você logo perceberá que o passeio pela Kanc consistirá muito mais em estar FORA do carro do que dentro! E por falar em carro…

Kancamagus Highway: Central de Pagamento Self-Service

… uma observação a respeito do estacionamento ao longo da Kanc: Você notará que algumas paradas dispõem de amplos estacionamentos que são pagos e funcionam da seguinte maneira: você pára o carro em uma vaga e se dirige à uma estação de pagamento self-service. Lá no balcão você mesmo pega um envelope que está disponível, coloca USD 3 dentro, dá aquela lambida pra selar o papel e destaca a parte superior, que deve ficar visível no interior do seu carro. O envelope é colocado em uma espécie de urna e com isso, você está garantido pelo dia inteiro, em qualquer um dos estacionamentos do percurso. Tudo isso sem guichê, sem funcionários, sem inspeção. É tudo na base da confiança, coisa de primeiro mundo mesmo. Ah! E também é importante saber que não há postos de gasolina nem serviços automotivos na estrada, ok?


1. Albany Covered Bridge: O estacionamento ficará à sua direita. De lá, basta caminhar um trechinho a pé para ver a única ponte coberta da Kancamagus Highway, a Albany Covered Bridge. A ponte original é de 1858, mas foi restaurada em 1970. Tem 36 metros e na minha opinião, é a região que proporciona as fotos mais lindas do passeio, tanto da ponte cênica com o seu telhado vermelho, quanto das árvores e rochedos que ficam ao redor do rio Swift.

Kancamagus Highway: Albany Bridge

Kancamagus Highway: Desafiando o perigo ao sentar bem no meio da Albany Bridge (deserta, claro!)

Desafiando o perigo ao me sentar bem no meio da Albany Bridge… 🙂

2. Lower Falls: Se você estiver passando por aqui em um dia quente de verão, vai perceber que muitos preferem este local à piscina do hotel! O local dispõem de estacionamento e vestiários e é repleto de rochas para se sentar, piscinas naturais para nadar e mesas de piquenique para uma refeição a beira do rio. Se você resolver se aventurar pelas rochas sem a intenção de nadar, tome um cuidado extra pois elas podem estar bem escorregadias!

Achei este vídeo no Youtube de pessoas curtindo o verão em Lower Falls. Como fui lá durante o outono, o friozinho me impediu de sequer pensar em entrar na água. Mas se você for pra lá em uma época quente, quem sabe já cogita colocar uma roupa de banho na mala?

Kancamagus Highway

3. Rocky George Scenic Area: Uma combinação entre cachoeira e cascata. Como fica há apenas 1 quilômetro e meio da estrada principal, é um lugar popular pois requere apenas uma curta caminhada até as cataratas. Também dispõem de mesas de piquenique, água potável e estacionamento. A natação é proibida no desfiladeiro, mas as quedas da cascata são muito bonitas de se ver e também ouvir. 

Kancamagus Highway: Na ponte, dia lindo

Kancamagus Highway: Sabbaday Falls

4. Sabbaday Falls: Esta é outro ponto que está entre os mais populares na rodovia, porque a uma curta caminhada de cerca de 960 metros, você será levado a uma queda d’água bastante singular e rochosa. Crianças pequenas e idosos também poderão fazer o trajeto sem dificuldade.

Não deixe de subir as escadinhas para ver as duas quedas d’água por um outro ângulo! Vale muito a pena!

5. Sugar Hill Scenic Vista Overlook: Este local oferece uma vista maravilhosa de Mount Tremont, do Owl Cliff (ou Penhasco da Coruja, em português), da Bear Mountain (Montanha do Urso) e do próprio Sugar Hill (Monte do Açúcar). A vista é de tirar o fôlego, especialmente no período da folhagem de outono.

6. Lily Pond: Mesmo não dispondo de um estacionamento oficial de parada, é possível estacionar o carro no acostamento. Basta dar uns 30 passos e você irá se surpreender com a vista espetacular do lago calmo cercado de árvores por todo o seu redor. É um ambiente tão tranquilo, transmite tanta paz…! Vai por mim… tenho certeza que você não vai querer perder essa vista! 

Kancamagus Highway: Pond Lake

7. Pemigewasset Overlook: Parada obrigatória para quem busca por uma vista deslumbrante das Montanhas Osceola.

8. Otter RocksUma área de descanso que possui um “piscinão” natural bastante popular e que fica lotado durante os dias quentes de verão. As instalações incluem uma salinha de descanso, mesas de piquenique e estacionamento.

Kancamagus Highway: Otter Rocks

Kancamagus Highway: Trecho da Lincoln Woods Trail onde constam trilhos de madeira da antiga ferrovia9. Lincoln Woods Trail: A trilha de Lincoln Woods tem 4 quilômetros e fica localizada ao longo do rio de Pemigewasset. As trilhas oferecem vistas panorâmicas da montanha, uma bela cachoeira e muita aventura em meio a uma floresta. Logo que você atravessar a ponte Pemigewasset (só a ponte já vale muitos cliques!), você entrará no acesso principal da trilha, que é uma antiga via ferroviária. Por este motivo, você perceberá que o caminho é bem amplo e inclusive dá pra ver alguns dos antigos trilhos no meio do caminho.

O parque é muito bem sinalizado e os dois pontos imperdíveis são a Franconia Falls – uma pequena cachoeira com piscinas naturais, e a Black Pond, um belo lago de águas cristalinas.

10. Loon Mountain: A Loon Mountain é na verdade uma empresa comercial e não faz parte da White Mountain National Forest. No entanto, ela também fica na Kancamagus Highway e oferece ótimas atividades ao ar livre. A entrada ao complexo é bem sinalizada, porém você já conseguirá enxergar as gôndolas da estrada. O passeio de gôndola funciona durante a maior parte do ano e o leva bem próximo ao cume, onde você encontrará uma trilha de fácil caminhada, uma torre de observação, parque infantil, e poderá explorar cavernas glaciais. Possui também um restaurante, onde você pode fazer um lanche tanto na área interna quentinha quando em um deck localizado na parte externa que proporciona uma vista ampla de toda área ao redor. No inverno, é uma das estações de esqui mais populares da região.

Enfim… existem muitos mais opções de trilhas, passeios, cachoeiras e atividades espalhadas pela Kancamagus Highway. Se você quiser uma lista completa de todas as atrações durante o passeio e um mapa, você pode baixar aqui:

mapa Kancamagus-Highway

Gostaria de finalizar este post deixando um vídeo SENSACIONAL extraído diretamente do site oficial da White Mountains e que vai lhe dar aquele “gostinho” do que é dirigir por este paraíso cênico na época do outono!

FONTE DE IMAGENS: ARQUIVO PESSOAL E PINTEREST

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *